"I´m a princess! And this is not how a princess is supposed to look!"

Sariu no Facebook

sábado, 11 de janeiro de 2014

Há lá coisa melhor!!!



Cheguei a temer um dia não ter imaginação e tema para vos escrever, mas como já alguns amigos me disseram, eu tenho sempre alguma coisa a acontecer e por isso não será hoje exceção.

Desta vez o que aconteceu foi o seguinte, a pequena marquesa está a dar comigo em doida, se bem que de sanidade não levo lá grande vantagem, mas o raça da catraia persiste em evidenciar o bicho que há em mim.

Sobre o assunto dizem os especialistas que se tratam de terrores noturnos, mas quem parece estar num filme de terror sou eu. A piquena entra numa inconsolável histeria, e como se do fim do mundo se tratasse, chama pela mamã, papá e mana, só não chama pelo dragão, porque esse de pouco lhe valeria.

Depois de algumas manobras que pouco faltam para incluir colete-de-forças, inicio a minha saída do quarto como quem passa por uma cama de pregos ou um colchão de ovos (com casca) e ao mínimo deslise a cachopa vira Pavarotti. 
Quando calco um grão de arroz e antes que a bomba expluda, de imediato aciono a versão Cataratas de Niaguara congeladas.

Agora que falo na neve, faz lembrar as minhas escapadinhas, que em bons tempos fazia na companhia do homem-bala, da sister e docunhadinho, quando íamos sem filhos e sem compromissos fazer aquele desporto fino que agora os famosos se estatelam, como é que se chama? Aquele que o Shumacher e a sódona Merkel se espalharam? Ah é isso mesmo, o ski!

Íamos carregadinhos de mantimentos, para fazer as melhores iguarias, em épocas mais ou menos festivas e tivemos alguns momentos dignos de bestseller. Como o gato que nos comeu o bacalhau que estava a demolhar em plena noite de fim-de-ano, ou a minha cadeira que partir quando estamos a jogar cartas e sou acusada por isso de ter desistido do jogo, ou a televisão que encravou o som no volume máximo, ou ficarmos sem esquentador e tomar a bela da banhoca de água fria, e muito mais que nunca mais parava!
Seja como for, e voltando à minha marquesinha que é um doce. Quero deixar o apelo aos meus queridos amigos que ainda estão em idade de reprodução e que tenham dúvidas ou inquietações sobre a viabilidade de procriar, só tenho uma coisa a dizer: Há lá coisa melhor!!!

Sem comentários:

Enviar um comentário